O que é segurança internacional do paciente?

  1. Home
  2. »
  3. Segurança do Paciente
  4. »
  5. O que é segurança internacional do paciente?

Sumário

Saber o que é segurança internacional do paciente e realizar os principais cuidados dentro de uma clínica ou consultório médico devem ser algumas das maiores preocupações de um profissional da saúde.

Afinal, garantir o bem-estar de todas as pessoas que passam pela clínica, além de ser uma missão importante para todos os médicos, é uma maneira de seguir todos os protocolos definidos pelos órgãos que fiscalizam e garantem a segurança dos pacientes.

segurança do paciente

Quer entender melhor este assunto? Então, acompanhe o post e veja como garantir que a sua clínica médica promova segurança a todos os visitantes!

O que é segurança internacional do paciente?

Segurança internacional do paciente é um termo que alia prevenção a riscos à qualidade no atendimento. Desse modo, trata-se de medidas realizadas por um profissional de saúde para evitar que uma pessoa sofra qualquer tipo de dano dentro do consultório e que receba a melhor assistência possível.

Cuidar desse aspecto em um ambiente voltado para a promoção da saúde é essencial, pois qualquer deslize pode afetar o bem-estar e a qualidade de vida de uma ou mais pessoas.

Além disso, essa é uma maneira de garantir a satisfação dos pacientes e elevar a reputação da clínica médica. Dessa forma, auxilia também nas estratégias de gestão de negócios.

Quais os principais cuidados da segurança do paciente?

Então, o que, de fato, precisa ser feito para garantir a segurança internacional do paciente? A seguir, confira alguns passos importantes!

Realizar a anamnese atentamente

O primeiro contato que o profissional da saúde tem com o paciente, durante um atendimento, é importante para reunir as principais informações sobre as necessidades do indivíduo.

Por meio dos relatos dos pacientes, é possível identificar os principais sintomas e queixas, compreender como é sua rotina, avaliar fatores que podem comprometer o seu bem-estar, entre vários outros detalhes. Por esse motivo, a anamnese deve ser um processo feito com muita atenção.

Garantir a privacidade dos indivíduos

As informações obtidas durante a anamnese e ao decorrer do atendimento devem ser mantidas em segurança adequadamente. Afinal, garantir a privacidade dos pacientes também é uma obrigação de todos os médicos.

médica examinando criança

Utilizar equipamentos de proteção individual

O bem-estar do paciente também é mantido quando o profissional de saúde utiliza equipamentos que visam a própria proteção durante a realização dos procedimentos. Aparelhos esterilizados ou descartáveis, tal como luvas, máscaras e toucas, são apenas alguns exemplos de como atender a essa necessidade.

Prezar pela higiene do ambiente

Ambientes contaminados também oferecem riscos para a saúde de uma pessoa, seja um paciente, seja um funcionário. Não é à toa que a higiene do espaço e dos equipamentos deve ser prioridade na agenda da clínica.

Contar com o apoio da tecnologia

Os softwares de proteção de dados são úteis para evitar o vazamento, principalmente os programas e aplicativos que apresentam criptografia avançada. Desse modo, é possível contar com o apoio da tecnologia para proteger o paciente, assim como evitar infrações às leis de segurança da informação, por exemplo, LGPD.

médicos utilizando software de proteção de dados

Qual a importância de garantir a segurança do paciente?

Seguir procedimentos que garantem a segurança internacional do paciente é imprescindível por várias razões. Primeiramente, com esses cuidados, é possível prevenir diversos problemas legais, como visto.

Normas de biossegurança são passadas aos profissionais da saúde desde o período da graduação e se tornam indispensáveis na rotina de uma clínica médica. Isso é importante, pois evita colocar em risco a integridade de outras pessoas.

Além disso, promover a segurança em uma clínica favorece o atendimento humanizado e a promoção da saúde e do bem-estar de todos os envolvidos. Desse modo, é possível conquistar a satisfação dos pacientes e manter o autocuidado.

Entendeu melhor como a segurança internacional do paciente pode ser alcançada, desde que sejam tomadas as providências necessárias? Portanto, lembre-se sempre de investir em medidas preventivas. Assim, o bem-estar de todos é mantido e a qualidade do atendimento na clínica médica é elevada.

Este post foi útil para você? Então, aproveite a visita e confira também como criar metas de segurança do paciente e nos siga nas redes sociais!

Não deixe de conhecer nosso software médico de gestão de clínica e fidelização de pacientes;

Felipe Ravanello
Felipe Ravanello

Sócio fundador e Diretor de Negócios e Crescimento da GestãoDS, sistema de gestão para clínicas e consultórios médicos com mais de 10 mil usuários ativos em todo o país. É mestre em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Host do podcast Prontuário de Gestão.