Migração de software médico

  1. Home
  2. »
  3. Gestão para Clínicas e Consultórios
  4. »
  5. Migração de software médico
banner software médico completo para impulsionar clínicas e consultórios

Sumário

Migração de software médico com segurança, compatível com vários softwares médicos do mercado, agilidade e garantia de adequação à LGPD é com a GestãoDS, software médico especializado em gestão e fidelização de pacientes.

Você tem garantido a migração de software médico esporadicamente? Quer dizer, já faz um tempo que essas plataformas trazem facilidade para gestores de clínicas e consultórios, profissionais da saúde, administradores da área da saúde e empreendedores médicos. Isso porque esse segmento lida com informações sensíveis, o que exige ainda mais agilidade e cuidados para evitar erros. 

Além disso, as demandas do público atendido pelos softwares médicos mudam com frequência, assim como a medicina e a tecnologia. Logo, é importante trocar de sistemas com o tempo para garantir a atualização necessária, que acompanha as novas necessidades. 

Então, para se atualizar e fazer a migração de software médico existem duas alternativas. A primeira é contar com a atualização por parte do fornecedor previamente contratado. A segunda é trocar de sistema, garantindo uma versão mais moderna.

Ainda assim, é natural surgirem dúvidas sobre migração de software médico e outras informações relacionadas. Pensando nisso, preparamos este post completo para ajudá-lo a ficar por dentro do assunto. Continue a leitura!

migração de software médico

O que é a migração de software médico?

Trata-se da atualização de uma plataforma para outra, para que ela consiga atender às novas demandas do público. Por exemplo, principalmente após a pandemia da covid-19, o corpo médico se tornou mais preocupado em fortalecer respostas e preparações para futuras pandemias.

Diante disso, existem softwares médicos com leitura mais aprofundada dos dados para investigar a iminência de uma futura pandemia. É possível presumir se isso está prestes a ocorrer a partir dos registros médicos na plataforma. Então, percebe como a migração de software médico pode ser vantajosa?

Qual é a importância de migrar de software médico?

Conforme mencionado, as demandas da área da saúde mudam com frequência. Afinal, novas patologias e remédios são descobertos, o que exige adaptação das plataformas médicas. Além disso, a medicina e a tecnologia passam por evoluções para trazer mais agilidade e qualidade nas funcionalidades, o que reflete na satisfação dos pacientes.

Diante disso, ignorar a atualização dos softwares médicos, deixando de migrar para uma nova plataforma, é um desperdício de oportunidade. Fazer isso é ainda mais delicado devido ao público atual, cada vez mais exigente e impaciente. Ou seja, é possível que muitos se disponham a pagar mais caro nos cuidados com a saúde, se isso refletir em um atendimento mais qualificado.

Como funciona a migração de software médico?

Para migrar de um software médico para outro é necessário que uma equipe faça um backup (cópia) dos dados da plataforma original. É o caso de informações de prontuários médicos, agendamentos, documentos e prescrições geradas, cadastro de pacientes, serviços, procedimentos etc.

Feito isso, as informações serão integradas ao novo software para que nada se perca e o andamento das demandas médicas não seja comprometido. Afinal, cada informação pode ser decisiva para um estudo personalizado do paciente e tratamento acertado. 

Diante dessa relevância, é preciso que a equipe responsável pelo backup e migração de dados tenha expertise e seja confiável. Isso porque ela também deve fazer uma análise de dados para evitar que as informações se misturem ou se percam.

Além disso, para cada banco de dados é necessário um conversor específico, programa capaz de ‘’traduzir’’ os dados. Logo, em alguns casos, pode ser necessário criar um conversor enquanto efetua o backup dos dados para garantir uma adequada tradução.

Para entender melhor, imagine que na antiga plataforma médica o prontuário eletrônico dos pacientes representa as informações de estado civil em viúvo, casado, solteiro etc. Enquanto isso, outro software do mesmo segmento classifica esses dados por numeração, como 1, 2, 3, 4 e 5. Isso explica a importância de um programa conversor ao migrar software médico.

migrar dados software médico

Quais são as principais funcionalidades de um software de gestão clínica?

As funcionalidades oferecidas pelo software de gestão médica variam conforme o modelo escolhido. Entretanto, existem algumas essenciais, como:

  • prescrição digital;
  • prontuário eletrônico;
  • envio automático de lembrete de e-mails;
  • controle financeiro;
  • ferramenta de telemedicina;
  • agendamento on-line;
  • agenda médica integrada;
  • etc.

Então, é preciso que a plataforma de gestão clínica escolhida garanta, pelo menos, essas funcionalidades citadas. Contudo, o software médico da GestãoDS tem funcionalidades específicas para cada especialidade. Confira mais sobre cada uma!

Migração de software médico para Clínica de Dermatologia

  • software Médico com Fluxos de conteúdo – envie fluxos de conteúdo pré e pós-atendimento para o seu paciente através de e-mail ou WhatsApp. Crie pacotes e orçamentos personalize o atendimento de cada um;
  • software Médico com Ranking de pacientes – conheça seus principais pacientes e crie ações de marketing em poucos cliques;

software Médico com Pré-cadastro de pacientes – envie um link por e-mail ou WhatsApp e tenha o cadastro completo do paciente antes de ele chegar à clínica.

Migração de software médico para clínica de Cirurgia Plástica

  • software Médico com Comparação de imagens – ao editar imagens no prontuário, é possível realizar uma comparação lado a lado – utilize este recurso para produzir um antes e depois, fazer marcações, entre outras possibilidades;
  • software Médico com Fluxos de conteúdo – envie fluxos de conteúdo pré e pós-atendimento para o seu paciente através de e-mail ou WhatsApp. Crie pacotes e orçamentos personalize o atendimento de cada um;
  • software Médico com Pré-cadastro de pacientes – envie um link por e-mail ou WhatsApp e tenha o cadastro completo do paciente antes de ele chegar à clínica.

Migrar software para clínica de Oftalmologia

Software Médico com Evolução dos pacientes de forma simplificada 

Acompanhe de forma detalhada a evolução oftalmológica dos pacientes. Tenha o histórico de todos os exames de acuidade visual dos seus pacientes em apenas um lugar. Imprima a prescrição para uso de óculos enquanto faz o atendimento.

Migração de software médico para clínica de Pediatria

Software Médico com Curva de crescimento

Identifique rapidamente problemas relacionados à nutrição e ao desenvolvimento da criança. Visualize a evolução do paciente através dos gráficos da OMS (Organização Mundial da Saúde). Consulte o histórico das consultas anteriores. Envie o gráfico por e-mail para pais ou responsáveis, ou faça o download no seu computador.

Migração de software médico para clínica de Obstetrícia

Acompanhamento e evolução das gestantes em um único lugar

Sabemos a necessidade de ter um acompanhamento detalhado do pré-natal da sua paciente, e por isso desenvolvemos essa ferramenta completa com uma área específica para isso. Tenha acesso a todos os dados, como peso, altura, IMC, tipo sanguíneo e vacinas. Na evolução tenha acesso ao histórico médico, idade gestacional e data prevista do parto!

Como escolher o melhor software médico?

Para tomar a melhor decisão, primeiro analise as funcionalidades oferecidas. Feito isso, acompanhe outros critérios que podem tornar uma plataforma mais vantajosa que a outra. Confira!

Avaliação dos usuários

Analise como os usuários avaliam os softwares de gestão clínica fornecidos pelos fornecedores. Isso pode ser visualizado no site da empresa, redes sociais, portal Reclame Aqui, Google Meu Negócio etc.

Fácil implementação

Priorize softwares de fácil implementação, especialmente se o seu negócio migrar do analógico para o digital. Logo, é recomendado conversar com o fornecedor antes de escolher a plataforma, para avaliar o nível de facilidade promovido.

Personalização do software para gestão clínica

Cada negócio tem as suas necessidades e particularidades. Diante disso, é preciso que o software para gestão clínica seja personalizado, para atender as demandas específicas.

Atualizações periódicas da plataforma

Garantir um software para gestão clínica que se atualiza periodicamente evita a obsolescência. Então, verifique com o fornecedor a frequência de atualizações da plataforma e os tipos de correções efetuadas. Isso porque elas podem trazer melhorias, mas também sinalizam falhas graves no sistema, quando ocorrem com frequência.

Disponibilidade

Analise quais das opções disponíveis no mercado mais se alinham com as demandas do negócio e são as mais seguras. Nesse caso, o software de saúde em nuvem é o modelo mais seguro, por salvar as informações geradas em um servidor externo.

De qualquer forma, avalie com o fornecedor qual é a empresa responsável por manter os softwares médicos em nuvem. Isso porque ela deve fornecer energia estável, evitando que o servidor externo em nuvem fique fora do ar. 

Relatórios personalizados

Os relatórios gerados pelo software médico trazem insights e indicadores quanto ao andamento do negócio. Isso envolve informações de volume de atendimento, crescimento de base de pacientes, finanças etc. Ficar por dentro desses dados é essencial para uma melhor tomada de decisão.

Software de gestão clínica seguro

Um dos critérios para sinalizar que o software escolhido é seguro é a garantia de sigilo dos pacientes, conforme o regulamento do Código de Ética da profissão e pelas regulamentações do Conselho Federal de Medicina (CFM).

Em outras palavras, o software deve garantir a segurança de dados. Por essa razão, os que oferecem o mencionado sistema médico em nuvens são mais recomendados. Além disso, certifique-se que a plataforma escolhida oferece criptografia das informações, rotinas de backups e controle de acesso.

Quais são os desafios da migração de software médico?

Um deles já foi mencionado: a garantia de uma equipe qualificada para analisar os dados a serem transferidos e garantir a adequada tradução. Outro desafio ao migrar de software médico é a adaptação ao novo sistema. 

Afinal, os profissionais como gestores de clínicas e consultórios, profissionais da saúde, administradores da área da saúde e empreendedores médicos já estão acostumados com a plataforma anterior. 

Contudo, esse desafio não é motivo para desistir da atualização. Isso porque ela é importante para trazer melhorias no segmento. Além disso, é possível facilitar o período de adaptação ao contar com suporte e treinamento dos novos fornecedores. 

Treinamento para os usuários

O treinamento é fundamental para quem gerenciar a plataforma consiga se adaptar rapidamente às novas funcionalidades. Até porque, o tempo levado para que os usuários se adaptem ao novo software pode prejudicar o atendimento ao paciente. 

Conforme mencionado, especialmente na área da saúde, cada segundo importa. E ainda, passar pelo treinamento é uma estratégia para que todos os usuários da plataforma consigam aproveitar os recursos existentes no produto.

De todo modo, é mais indicado escolher uma plataforma de fácil uso e rápido aprendizado, mesmo que o fornecedor ofereça treinamento para os usuários.

Suporte técnico

Assim como o treinamento, o suporte é fundamental para garantir qualidade e agilidade no uso do software médico. Afinal, por melhor que seja a qualidade do produto, é natural que eventualmente ocorram falhas e erros. Por essa razão, alguns fornecedores oferecem suporte via telefone e e-mail, muitos até se disponibilizam 24/7. 

Além disso, os que não oferecem suporte para além do horário comercial, podem deixar alguns treinamentos gravados com videoaula. Desse modo, os usuários acompanham passo a passo o que deve ser feito em caso de cada dúvida. Os diferenciais da gestãoDS ao oferecer suporte técnico incluem:

  • atendimento em 30 segundos;
  • backups;
  • acesso mobile;
  • importação de dados;
  • assinatura digital;
  • etc.

Como garantir a segurança dos dados no processo de migração?

Mais um desafio ao migrar dados de software médico é garantir a segurança de dados originais para mantê-los na nova plataforma. Logo, para uma transição segura, é preciso de uma equipe eficiente para armazenar e transferir os dados da plataforma original para a nova.

O melhor de tudo é que não existe limite na quantidade de dados copiados. Então, você tem a garantia de que os dados originais não serão perdidos por limitação de espaço, por mais tempo que ele tenha sido utilizado. 

A garantia de permanência desses dados é essencial para que os estabelecimentos médicos possam melhor atender aos pacientes. Mas além disso, é uma forma de obedecer a nova Lei dos Prontuários Eletrônicos (Lei 13.787/18). Ele exige que os documentos dos pacientes sejam armazenados por pelo menos 20 anos, a partir do último registro.

Assim, diante da maneira como a migração de dados ocorre, trata-se de um processo seguro e com poucas chances de haver perda total das informações. Mas claro, é válido reforçar que isso depende dos profissionais escolhidos para executar esse processo.

Então, entendeu como fazer a migração do software médico e qual é a importância disso para gestores de clínicas e consultórios, profissionais da saúde, administradores da área da saúde e empreendedores médicos?

Como visto, trata-se de uma atualização necessária para trazer mais agilidade e qualidade no atendimento aos pacientes.

A GestãoDS oferece diferenciais no software médico, essenciais para a fidelização de pacientes. Acesse nosso site e saiba mais sobre o produto oferecido!

Picture of Felipe Ravanello
Felipe Ravanello
Sócio fundador e Diretor de Negócios e Crescimento da GestãoDS, sistema de gestão para clínicas e consultórios médicos com mais de 10 mil usuários ativos em todo o país. É mestre em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Host do podcast Prontuário de Gestão.